11 de dezembro de 2009

O jeans 2010

Carpe Diem by Jacqueline  -

O jeans, que invadiu as passarelas nos anos 70, marcou forte presença nos desfiles para o verão 2010.  O tecido já é considerado um clássico. Mas engana-se quem acha que é só vestir a mesma calça de sempre para ganhar ares de quem está na moda.

Para exibir a identidade deste final de década,  acredite! O novo jeans passa por lavagens, cortes e até tinta. Como resultado, saem jardineiras rústicas e calças mais largas e curtas, tipo carpinteiro. Esse visual entra na macrotendência e é chamado  de herança, em que há uma retomada dos valores fundamentais, mas usando novas tecnologias e design.
  Lucie Lapiere, editora da área de jeans do site em Nova York, diz que estamos numa época de "contraste de tendência" e aponta quais são as principais características do jeans do verão 2010, além de adiantar qual é o caminho do tecido no inverno 2011. Veja abaixo:

Lavagens e efeitos
"É uma temporada de contrastes de tendências, silhuetas e lavagens", explica. Isso significa que ao lado do black jeans, o superclaro também tem vez. A novidade fica por conta dos tratamentos. 
. Efeitos de pintura. São pequenas manchas ou pinceladas de tinta que colorem as peças . Degradê. É a hora do dip-dye em azul  ou em cores fortes . Retalhamento. "Não é grunge”, avisa Lucie. Aqui, valem tanto os jeans rasgados quanto os de patchwork
Inverno 2011
Depois de tanto lava daqui, rasga dali, o inverno 2011 deve vir menos trabalhado. Lucie acredita em “tratamentos menos extremos, um retorno à superfície limpa ou, pelo menos, efeitos menos exagerados”. O jeans será explorado mais como tecido do que como formato. “Possivelmente, teremos mais peças sob medida e vestidos (G-Star), ou chemisiers e casacos”, explica.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixem os seus recadinhos,opiniões respeitosas são sempre bem vindas.

 
Layout feito por Adália Sá | Não retire os créditos